Joanna Jedrzejczyk: A campeã que o UFC precisava

Quem é acompanha as lutas femininas no Ultimate, já observou como foi benéfica para a organização e para a categoria peso palha quando Joanna Jedrzejczyk derrotou Carla Esparza no UFC 185 por nocaute? A grande parte do público que assiste a cada edição do UFC demonstra muito interesse nas lutas de WMMA, quando se trata de Ronda Rousey, mas a polonesa esta mudando esse cenário desde a sua conquista do cinturão da divisão até 52 quilos.

Com um nome de pronúncia difícil para quem mora no Ocidente, mas ao mesmo tempo muito carisma e uma verdadeira máquina veloz de socos e inúmeras combinações. Joanna chegou para ocupar um cargo que a campeã peso galo Ronda Rousey tanto pediu, uma lutadora para dividir a atenção das categorias femininas.

E Jedrzejczyk tem conseguindo isso da forma mais natural, sempre promovendo muito bem suas lutas, com declarações confiantes, com seu sorriso de ponta a ponta em qualquer ocasião e a sua famosa encarada abaixando diante da sua adversária.

Ronda e o UFC precisava de uma campeã para não sobrecarregar a americana que carregava toda a atenção do MMA feminino. Jedrzejczyk estreou na categoria peso palha e no maior evento do mundo em julho do ano passado, das suas dez lutas na carreira, seis foram no peso mosca. A multicampeã no Muay Thai chegou a ser contratada pelo Invicta FC, evento que promove apenas lutas entre mulheres.

Mas pintou a oportunidade de lutar no maior evento do mundo, em uma categoria recém criada e ela vem conquistando seu espaço com atuações que ficarão na memória do público que acompanha o UFC. Joanna derrotou Juliana Lima e Claudia Gadelha na decisão dos jurados, em 2015 atropelou Esparza e Jessica Penne.

Os australianos irão lotar o Etihad Stadium no final de semana e estarão ansiosos e curiosos no duelo que envolve Jedrzejczyk contra Valerie Letourneau, o confronto promete muita trocação e é nessa área que a polonesa sente-se mais confortável/

COMENTÁRIOS

comentários

Pedro Henrique
Respiro WMMA 26 horas por dia, só irei descansar quando as mulheres chegarem no mesmo nível dos homens!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA